SEICOM 2011    18/11/2011
Palestrantes debatem tecnologia e entretenimento
por Adriano Pinzon
Vinícius Andrade Pereira falou sobre a curiosidade pertinente de McLuhan (Foto: Priscila Leal)

O segundo dia das atividades do XI Seminário Internacional da Comunicação, o Teatro do Prédio 40 da PUCRS recebeu para palestra a professora Irene Machado, da Universidade de São Paulo (USP), e o professor Vinícius Andrade Pereira, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ).


Formada nas áreas de Letras e Comunicação, a professora da universidade paulista abordou o tema Para compreender a cultura do entretenimento em suas dimensões perceptuais e cognitivas, sem perder a referência das obras de Marshall McLuhan, o homenageado do Seminário. Ao falar sobre a linguagem da comunicação, Irene destacou a importância da obra do teórico. “Foi difícil acostumar o contexto em que vivemos à essa linguagem, e McLuhan ajudou a facilitar esse entendimento”, disse.

Transitando pelo conceito de entretenimento, Irene comentou sobre a análise de McLuhan acerca do conto The descent into the Maelström, do norte-americano Edgar Allan Poe. “No conto, Poe escreve em um trecho que 'enquanto estou prestes a morrer, estou entretendo minha mente', o que seria o início deste conceito da palavra entretenimento”, analisou. Ainda sobre o tema, lembrou o surgimento de equipamentos tecnológicos como o rádio e posteriormente a televisão e seus fenômenos, analisados por McLuhan e Harold Innis, o estudo do Determinismo Tecnológico da vertente canadense.


Este último tema foi também abordado pelo segundo conferencista da noite, Vinícius Andrade Pereira, doutor em Comunicação e pesquisador associado do McLuhan Program in Culture and Technology, com a palestra Leis das mídias e a nova ciência - McLuhan explorador das formas. Para ele, é possível ver em toda a obra de McLuhan a reflexão em torno dos conjuntos tecnológicos e a curiosidade pertinente sobre o seu tempo. “O que nós somos hoje é resultado de uma experiência tecnológica”, ressaltou. Além usar as obras de M. McLuhan como pano de fundo para a palestra, Pereira citou Kant, Focault e, principalmente, Walter Benjamin, esse último que lamentava sobre a perda de experiência, restando apenas a experiência individual, do apaixonado. “Ao mesmo tempo que Benjamin lamenta esta perda, ele começa a se abrir para o conjunto tecnológico”, concluiu.

O XI Seminário Internacional de Comunicação teve como palestra de encerramento, na manhã desta sexta-feira, 18, o filho de Marshall McLuhan, Eric, que tratou da mensagem da mídia digital nos dias de hoje.

 
 
 Veja também:
      Projeto MiniCurtas, da RBS, está com inscrições abertas
      Período de matrículas para 2013/1 começa na segunda-feira (7)
      Portal Eu Sou Famecos de cara nova
      Espaço Experiência participa de 3º Colóquio de Agências Experimentais
      Famecos anuncia mudanças nos cargos de gestão
 Ver todas as notícias
 
 voltar ao topo
 
« Voltar para a página anterior
Av. Ipiranga, 6681 - Prédio 7 - Sala 106
Partenon - Porto Alegre/RS - CEP 90619-900
Fone 51 3320.3569 r. 4121 - espacoexperiencia@pucrs.br